A volta de nossos jovens às escolas é o desejo de todos nós. Queremos que eles possam retornar ao ambiente do ensino, ao convívio com seus professores e colegas, recebendo a educação para serem bons cidadãos e profissionais.

Mas estamos vivendo em uma pandemia. E, nesse momento, a volta das atividades não é somente arriscada. É impossível!

Em Minas do Leão, onde temos mil alunos na rede municipal, não há sala de aula e professores para todos os estudantes, nos moldes sugeridos pelo Governo do Estado. Seria preciso mais estrutura física e profissionais para seguir as regras propostas.

Pelo tamanho das nossas salas de aula, em geral, teríamos que ter quatro ou cinco alunos em cada sala. Uma turma poderia ocupar cinco ou seis salas. Como faz para atender a todos?

Sem contar o transporte escolar, que precisaria ser até triplicado para dar conta. A única maneira de voltar seria retirar o decreto de calamidade e o regime de bandeiras. Mas não há condições de se fazer isso.

Por isso, sou contra o retorno às aulas nesse momento. As escolas devem reabrir, mas temos de fazer isso com todas as garantias de segurança para nossos alunos e suas famílias! Sabemos dos transtornos, mas o mais importante agora é a saúde e a vida de todos!